Equipes #4 – Dimensão da Cultura Organizacional nas Instituições

Os aspectos da cultura organizacional estão agrupados em níveis, e formam padrões de comportamentos que, no plano cognitivo, possibilitam a passagem do simbólico para o concreto. Determinam tendências que deverão transformarem-se em pressupostos da cultura estabelecida. Então, consolidar-se-ão como valores compartilhados pelos membros da organização. Schein apud Freitas (1991, p.10), […]

Equipes #2 – Introdução ao Estudo

A cultura de uma organização empresarial gira em torno das crenças de seu fundador, juntamente com o objetivo de subsistência (lucro), aliados à missão (função social) da organização. Em síntese, é constituída da filosofia dos seus fundadores, somada ao conjunto de crenças e valores em função dos quais as pessoas […]

Equipes #1 -Resumo do Estudo

O surgimento de equipes de trabalho no âmbito das empresas é um assunto bastante relevante para o contexto das organizações do século XXI. Compreender como um grupo de trabalho ganha consistência ao ponto de tornar-se equipe é um fenômeno merecedor de especial atenção. Nesse sentido, da necessidade de se compreender […]

EQUIPES ## – Estudo – Apresentação

As características mais marcantes da contemporaneidade para todos os profissionais são, possivelmente, 1) a revolução tecnológica que ora vivenciamos e 2) a velocidade da informação. Juntos, esses 2 aspectos deslocam o eixo sobre o qual temos sustentado nossas relações profissionais individual e coletivamente.  Portanto, o momento exige uma postura de […]

Pensar fora da caixa – Significado

“E quando eu me ergui para olhar fora da caixa, percebi que não existia nenhuma caixa!” A expressão “Pensar fora da caixa” oriunda do inglês “Think outside the box” conota “pensar livre das amarras convencionais” e tem sua origem controversa; a primeira versão do surgimento dela é a do consultor […]

Linguagem #16 – Referências Bibliográficas

ALENCAR, Marta Vitória de. Da teoria pictórica aos jogos de linguagem. Revista Discutindo Filosofia, São Paulo, n. 9, ano 2, p. 47-49. BUCHHOLZ, Kai. Compreender Wittgenstein. Tradução de Vilmar Schneider. Petrópolis: Vozes, 2008. (Série Compreender). DENETT, Daniel; MACRONE, Michael. Wittgenstein. Disponível em: <http://www.geocities.com/Athens/4539/o_mundo_consiste_de_fatos.htm&gt;. Acesso em: 20 ago. 2008. FLUSSER, Vilém. […]

Linguagem #15 – CONCLUSÃO

Quando iniciamos este trabalho, delimitamos nosso percurso intelectual no projeto de monografia, sob a forma de sumário. Agora que chegamos ao momento final da pesquisa, é hora de avaliar se nossos objetivos foram atingidos e de que forma o foram. No primeiro capítulo, buscamos realizar uma contextualização da vida e […]